4TRUCK

O novembro azul começou e trouxe um olhar mais cuidadoso para a saúde masculina, que muitas vezes é deixada de lado por conta da rotina intensa de trabalho – essa não pode ser uma razão para se descuidar.

Em sua fase inicial, o câncer de próstata é silencioso e muitos pacientes não prestam atenção nos sintomas. Por isso, é importante fazer o exame que é recomendado a partir dos 40 anos de idade.

A estimativa é que mais de 65 mil novos casos surjam em 2020. Portanto, procure um urologista e mantenha a saúde em primeiro lugar.

Com esses dados, os caminhoneiros devem ficar atentos. Por conta da rotina, acabam tendo outros fatores que podem contribuir para o surgimento de tumores.

Saiba os principais problemas de saúde dos caminhoneiros

Sobrepeso e obesidade

Por conta da rotina e da má qualidade na alimentação, que muitas vezes fica em segundo plano, o excesso de peso pode ser uma realidade para muitos caminheiros.

O sobrepeso vai muito além da estética. O excesso de gordura corporal aumenta o risco de câncer, inclusive o de próstata avançado.

Hipertensão

Relacionada ao sedentarismo, à má alimentação e ao uso de substâncias tóxicas, a hipertensão pode desencadear diversas doenças.

Enfermidades do sistema cardiovascular são as que estão mais associadas à hipertensão.

Depressão

O trabalho do caminheiro é muitas vezes solitário devido às longas jornadas distante da família, dos amigos e sem vida social ativa.

A depressão pode surgir nesse momento, associada à ansiedade, alteração de humor, perda de prazer em atividades de interesse, entre outros.

Para evitar esses problemas de saúde, é importante que o caminhoneiro encaixe a prática de atividades físicas na sua rotina, faça alongamentos em cada parada, tenha uma alimentação saudável, beba água e tenha uma rotina de sono para que o corpo não sofra com mudanças de horários.

Ponto de atenção!

A exposição a aminas aromáticas (comuns nas indústrias química, mecânica e de transformação de alumínio), produtos de petróleo, motor de escape de veículo, hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (HPA), fuligem e dioxinas estão associadas ao câncer de próstata.

Faça check-ups: a prevenção é o melhor remédio, por isso encaixe idas ao médico no seu cronograma e não deixe de fazer exames preventivos pelo menos uma vez ao ano.

Cuide da saúde, caminhoneiro, ainda temos muitas estradas para cruzar! Até a próxima!

Siga nossas redes sociais:

/LinkedIn

/Facebook

/Instagram

Osmar Oliveira CEO – 4TRUCK Soluções Sobre Rodas