4TRUCK

Tivemos um aumento significativo do empreendedorismo no Brasil. Pode ser por necessidade ou porque temos o sonho do próprio negócio, mas é fato que possuímos uma das taxas mais altas nesse quesito.

Porém, no que se refere à sobrevivência das, empresas temos um problema: segundo o Sebrae, mais da metade das novas empresas fecham as portas nos primeiros cinco anos de atividade.

E, para evitar essa questão, os novos empreendedores devem se atentar aos fatos e seguir um planejamento completo e eficaz, especialmente quando seu foco é em negócios do momento e muitas pessoas têm a mesma ideia.

Podemos citar a onda dos food trucks que dominou o país há quatro anos. Passado um tempo, muitos fecharam e hoje se mantém quem consegue trazer um diferencial e se destacar da concorrência.

Devido a esses fatores, foi considerado como uma moda passageira. Mas será que devemos pensar assim?

Food truck: não é sobre ser moda, é sobre gestão

Dizer que o food truck foi uma moda passageira, e, por isso, ocorreu a diminuição no número de negócios abertos se mostra equivocada.

A ideia de venda e consumo de comida em unidade móvel não é de agora. Quem nunca comeu um cachorro-quente, um pastel ou um churro na rua?

Podemos dizer, então, que esse é um hábito culturalmente aceito por nós.

Embora tenhamos presenciado um grande aumento seguido de um declínio desse modelo, o que vemos é que quem teve uma boa gestão e um bom planejamento sobrevive hoje.

E é exatamente a falta de planejamento que leva ao fechamento das empresas em pouco tempo de vida.

Em um mercado em alta, onde o consumidor conta com uma grande variedade de opções, esse erro se mostra fatal.

Mesmo hoje, com um menor número de empreendimentos do tipo e em todos, quem não se planeja e procura entender o mercado do qual atua, tem grandes chances de naufragar.

Por exemplo, as pessoas que buscam consumir em food trucks querem algo prático, não um alimento que necessite de garfo e faca para ser ingerido, uma vez que nem sempre elas dispõem de lugar para sentar e apoiar o prato. Esse é um fator mal pensado na estratégia.

É preciso ter bom senso de precificação x lucro x barato e caro para o público x praticidade e qualidade.

Veja também: Vai montar um food truck? Confira 5 ingredientes para a receita do sucesso!

3 vantagens de um bom empreendimento em food truck

Agora que já temos em mente que com gestão e planejamento um negócio pode ir, sim, longe, e que não se trada de moda, confira algumas vantagens de um food truck.

1.     Você vai atrás de sua demanda

Uma das grandes vantagens de contar com um negócio em unidade móvel é poder ir atrás de sua demanda e não esperá-la chegar até você.

Você pode estudar seu público-alvo e pesquisa de mercado para descobrir qual a melhor localização para se instalar e atender os consumidores de seus produtos.

A mobilidade permite, ainda, que você atue, por exemplo, em pequenos, médios ou grandes eventos que ocorrem em diferentes localidades.

Assim você divulga sua marca e seus produtos, de modo a ter a possibilidade de atrair mais clientes.

2.     Melhor rentabilidade

Uma das dicas que você precisa seguir para que seu food truck gere resultados é ter um cardápio reduzido.

Contar com poucas opções facilita o serviço, a escolha do cliente, a gestão de estoque e ainda gera maior rentabilidade.

Além disso, não há o custo fixo do aluguel mensal, que costuma pesar muito nos novos negócios.

3.     Melhor gestão

Uma vez que a equipe e o local são reduzidos em relação a um restaurante, por exemplo, você consegue administrar melhor os colaboradores bem como seu empreendimento.

Esses fatores também ajudam na redução de erros. Não há espaço para o pedido se perder ou ocorrer erro na hora de anotá-lo.

E, para fechar a conta do caixa, esse fator contribui, uma vez que acontece automaticamente conforme é feito o pedido.

Caprichando no planejamento e mantendo uma boa gestão, seu food truck pode fazer com que você conquiste grande resultados com o empreendedorismo.

Quer saber mais sobre unidades móveis? Continue acompanhando nosso blog.

Tem dúvidas ou possui sugestões? Deixe um comentário!

Até a próxima!

Postado por: Osmar Oliveira – 4TRUCK | www.4truck.com.br