4TRUCK

Fibra de Vidro ou Alumínio: Qual é o melhor material para o baú de um caminhão?

Se você está procurando uma nova carroceria de serviço no mercado, provavelmente já encontrou as opções de fibra de vidro e alumínio. Embora o alumínio tenha sido a escolha tradicional nos últimos anos, a fibra de vidro está rapidamente ganhando popularidade, graças às suas muitas vantagens.

Os baús são um dos componentes mais importantes de qualquer caminhão de trabalho. Eles fornecem um espaço de armazenamento seguro e resistência a condições climáticas intensas para ferramentas e equipamentos, podendo ser personalizados para atender às necessidades específicas de qualquer empresa.

E quando se trata de selecionar uma carroceria para seu caminhão, alumínio ou fibra de vidro são geralmente as duas opções de escolha. Cada material tem suas próprias vantagens e desvantagens, mas as carrocerias de fibra de vidro oferecem vários benefícios que o alumínio simplesmente não consegue igualar. Confira alguns pontos trazidos pela 4TRUCK.

Como decidir qual tipo de material é ideal para você?

Durabilidade

Quando se trata de durabilidade, a fibra de vidro é a vencedora. Baús de fibra de vidro são menos propensos a amassar ou arranhar e também são resistentes à corrosão. Além disso, a fibra de vidro é um material mais forte, por isso pode suportar melhor o impacto. Como resultado, uma carroceria de fibra de vidro provavelmente durará mais do que uma carroceria de alumínio.

Resistência à corrosão

Um fator importante que muitas vezes é esquecido é a resistência à corrosão. Se você planeja usar seu caminhão em um ambiente onde ele ficará exposto ao sal, produtos químicos ou outros materiais corrosivos, é importante escolher uma carroceria de serviço que resista aos elementos climáticos.

O alumínio é suscetível à corrosão, especialmente em ambientes de água salgada. Já a fibra de vidro oferece resistência superior à corrosão. Ou seja, a fibra de vidro é a escolha mais indicada se você precisar de uma carroceria que resista a condições adversas.

Segurança

A segurança é um dos fatores mais importantes na escolha de um baú de caminhão. As carrocerias de alumínio e fibra de vidro têm suas vantagens exclusivas quando se trata de segurança. O alumínio pode ser mais suscetível ao fogo do que a fibra de vidro.

Os baús de fibra de vidro são duráveis ​​e resistentes à corrosão. No entanto, eles têm o benefício adicional de serem retardadores de chama. Além disso, a fibra de vidro tem menos probabilidade de quebrar em um acidente. Como resultado, geralmente é considerada a escolha mais segura para se trabalhar.

Manutenção da temperatura interna

Outro ponto de destaque dos tetos em fibra de vidro comparado aos laminados de alumínio é a baixa condutividade térmica da fibra de vidro. Em termos mais analíticos, tal benefício impede que o calor externo seja transmitido para dentro do implemento.

Isso ajuda na redução de incidências com gotejamentos e infiltrações dentro dos baús, em consequência da condensação causada pela umidade interna de carrocerias, o que pode causar sérios danos a cargas mais sensíveis à água, como medicamentos e eletrônicos.

Sustentabilidade

Por último, a questão sustentável é outro ponto positivo da fibra de vidro. Enquanto o teto de alumínio convencional não há estudos que comprovem sua sustentabilidade, o teto em fibra de vidro é fabricado com tecnologia que utiliza resina de garrafas PET recicladas. Para cada quilo de resina da fibra, são necessários 250 gramas de garrafas PET.

Não é só o entorno da reciclagem envolvida nesse balanço positivo: com a fibra de vidro mais leve e a confecção e manufatura mais otimizada, demandando menos tempo de fabricação, contribui para a melhora da vida útil do veículo e reduz a emissão de carbono nos trajetos e na fabricação.