4TRUCK

Via Planeta caminhão

Alguns caminhões são imortais na memória de todo brasileiro, por isso, merecem um espaço especial por nós do Planeta Caminhão. No primeiro capítulo da série Eternos Brasileiros, relembre a história do Mercedes Benz L 1113, o caminhão mais vendido do Brasil.

Mas antes do Mercedes 1113, é importante conhecer um pouquinho do seu antecessor, o Mercedes 1111. A fabricação desse modelo no Brasil começou em 1964 e representou o primeiro grande sucesso da montadora alemã em terras nacionais.

Depois de alguns anos, no início da década de 1970, a Mercedes decidiu então lançar o sucessor do 1111, que foi batizado de 1113. Este modelo surgia com a mesma cabine do anterior, mas com um motor mais moderno, melhor capacidade de tração do motor e a possibilidade de transportar diferentes cargas.

A cabine, aliás, foi um dos segredos para o sucesso deste modelo. Por ser suspensa por molas e por dois amortecedores de dupla ação, ela oferecia um conforto que nenhuma outra cabine conseguia disponibilizar até então.

O resultado disso? Mais de 200 mil unidades foram comercializadas segundo dados da Denatran, o que fez do Mercedes 1113 o caminhão mais vendido do Brasil.

Quem se deu bem com esse sucesso foi a Mercedes, que se firmou no mercado brasileiro como uma das montadoras mais confiáveis, estáveis e com baixo custo de manutenção.

O modelo era tão popular que fez com que os motoristas o apelidassem de Fusca das estradas, devido ao grande número desses caminhões que podiam ser vistos pelas rodovias.

mercedes_eterno_4

O sucesso fez com que a Mercedes atualizasse mais vezes a linha e, na sequência, vieram os modelos 1313, 1513 e 2013, que utilizavam a mesma e já tradicional cabine, mas se diferenciavam na capacidade de tração do motor e transporte de carga.

Ao todo, o modelo foi produzido entre 1969 e 1987 e acabou tento 12 mil caminhões exportados para países como Estados Unidos, Paraguai, Chile e Uruguai.

Embora não seja mais produzido, esse caminhão continua na história como um dos modelos mais populares do Brasil e, ainda hoje, mais de 180 mil modelos da linha ainda podem estar rodando pelas estradas nacionais.

Fonte: Planeta caminhão | www.planetacaminhao.com.br
Postado por: 4Truck | www.4truck.com.br