4TRUCK

4truck-customizados-unidades-moveis-carretinhas-ereboques-bau-montado-sobre-carretinha-4

compartilhamento-de-cargas-1

Diante de um cenário desafiador como é o setor de infraestrutura brasileiro é preciso pensar em soluções de logística. Conheça o compartilhamento de cargas.

No transporte de cargas realizar viagens com o baú do caminhão vazio significa prejuízos, não a toa o momento de traçar as rotas é uma das partes mais importantes a serem realizadas antes das viagens, buscando encontrar o caminho que melhor otimize o uso dos veículos.

Contudo, nem sempre isso é possível, e a depender da localização de uma empresa com referencia aos seus centros consumidores é quase inevitável que os caminhões circulem vazios, especialmente em um momento de retração econômica, o que tem aumentado o compartilhamento de cargas.

Entendendo o compartilhamento de cargas

Imagine a seguinte situação: sua empresa atua na cidade X e comercializa seus produtos na cidade Y, ao ponto que semanalmente são enviados dois caminhões para realizar as entregas nos pontos de distribuição, que fazem a viagem de volta com o baú do caminhão vazio.

Enquanto isso, empresas da cidade Y comercializam seus produtos em cidades existentes no caminho que levam até X. Percebendo esse fato você entra em contato com essas e oferece um acordo comercial para que na volta semanal de seus dois caminhões os mesmos distribuam os seus produtos nas cidades pelo caminho.

Essa é um das modalidades do compartilhamento de carga, que pode ser definido com um acordo comercial entre partes interessadas onde o baú do caminhão de uma das mesmas transporta em mercadorias da outra, seja em conjunto na mesma rota, embora esse tipo seja mais raro, ou se valendo do caminho de volta (modo mais comum).

Adotando essa ideia além de evitar que os caminhões precisem viajar sem carga, otimizando seu uso e reduzindo os custos com as entregas para ambas às partes envolvidas. Além disso, essa prática também é benéfica para o transito e o meio ambiente, uma vez que ajuda a reduzir o número de veículos.

Em um mercado altamente competitivo em um país de tamanho continental como o Brasil é fundamental pensar em soluções de logística que permitam o melhor aproveitamento dos veículos de uma frota, buscando sempre reduzir custos e aprimorar seus resultados.

Ficou com dúvidas ou possui sugestões? Deixe um comentário.

Até a próxima!

Postado por: Osmar Oliveira – 4Truck | www.4truck.com.br