a-carreira-de-caminhoneiro-e-a-lombalgia-1

A rotina no trabalho pode acarretar em diversos problemas de saúde, que variam de acordo com a área em que o profissional atua. No caso da vida na boleia, a lombalgia é a grande vilã.

Para aqueles que não conhecem o termo, lombalgia é o nome dado às dores que ocorrem na região da lombar, localizada nas costas e costuma estar relacionada principalmente a má postura corporal em diversas situações do dia-a-dia.

As causas da lombalgia entre os caminhoneiros

Aqueles que optam por seguir a carreira de caminhoneiro sabem que enfrentarão uma rotina puxada, onde passarão a maior parte de seus dias sentados atrás de um volante, buscando cumprir os prazos cada vez mais apertados.

Por isso é essencial que o profissional das estradas redobre seus cuidados com a saúde de alimentação, buscando se manter sempre saudável, não apenas por questões profissionais, mas também pelo seu bem estar e qualidade de vida.

Hoje entre os condutores de caminhão, a dor nas costas é o problema de saúde mais recorrente, chegando a atingir a até 18% de toda categoria, o que mostra a gravidade e alcance do problema.

Quando não tratada ou prevenida, essa questão pode levar ao afastamento do trabalho devido à intensidade da dor, e até complicações mais graves afetando de forma definitiva a mobilidade.

O erro na postura ao sentar no volante é um dos principais influenciadores nesse caso, isso porque o caminhoneiro passa horas na mesma posição, forçando assim pontos específicos da coluna. O ideal é sentar-se sempre na posição de 90 graus, mantendo as retas no encosto do banco, com os braços levemente flexionados quando levados ao volante.

Aliás, o banco, muitas vezes relegado a segundo plano, é um importante acessório não apenas para segurança, mas também para saúde. Prefira os ergonômicos quando possível, caso contrário verifique sempre o estado geral do banco e se o mesmo contém apoios de cabeça e braço.

Além da postura é importante também abandonar hábitos sedentários, buscando a realização de exercícios físicos regulares, o que alivia não só a dor nas costas, mas também trás benefícios para saúde de forma geral.

Caso não consiga tempo para a prática de exercícios é altamente recomendado que ao menos realize sessões de alongamento pela parte da manhã, durante as paradas e antes de dormir. Dessa forma ajuda a “esticar” a coluna diminuindo a compressão imposta sobre ela devido ao grande número de horas que passa sentado.

Cuidar da saúde é essencial para a nossa vida. Adotar medidas simples e observar pequenos detalhes de nossa rotina é necessário para que possamos viver com bem estar e manter toda nossa potencialidade. Evite a automedicação e em caso de dores persistentes nas costas procure um médico para uma avaliação efetiva.

Continue nos acompanhando para saber mais sobre o dos caminhões e a vida na estrada!

Dúvidas ou sugestões? Comente!

Até a próxima!

Postado por: Osmar Oliveira – 4Truck | www.4truck.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.